26/04/2016

Traumatismo na mão representa três em cada dez pedidos de auxílio-doença

Três em cada dez pedidos de auxílio-doença no Estado de São Paulo são feitos em decorrência de problemas de traumatismo na mão, apontam dados do INSS coletados em 2015.

De acordo com o órgão, foram 146 mil solicitações ligadas ao problema na mão, que representam 29% do total de 505 mil pedidos feitos no ano passado.

Ainda referente ao traumatismo, a maioria dos casos em que o indivíduo requer o auxílio-doença parte de acidentes de trabalho (67%). Já o auxílio-doença previdenciário representa 24% do total.

Dentre as causas do traumatismo, a primeira é a fratura de dedos (8%) e a segunda, com 6%, é a fratura ao nível do punho e da mão. Em terceiro lugar vem a fratura da extremidade distal do rádio (5%).

O presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia da Mão, Pedro José Pires Neto, considera que os acidentes relacionados às mãos acontecem em uma frequência alta. “O índice de lesões envolvendo esse membro é preocupante, por isso devemos buscar sempre medidas que possam impedir que elas aconteçam. A Sociedade Brasileira de Cirurgia da Mão auxilia o preparo técnico e científico de médicos para prevenir e tratar os pacientes que sofrem com esse tipo de acidente”.

Congresso

O 36º Congresso Brasileiro de Cirurgia da Mão vai reunir as principais especialistas nacionais e internacionais da área para um encontro especial entre os dias 26 e 28 de maio, no hotel Maksoud Plaza, em São Paulo. Com o tema “A Mão Olímpica”, o evento discutirá as principais lesões traumáticas do membro superior nas diferentes modalidades de esporte. Para fazer a inscrição, basta entrar no site do Congresso.

Próximos Eventos

Av. Ibirapuera 2907 - Cjs. 919-D e 920-B - CEP: 04029-200 - Indianópolis - São Paulo - SP - Tels: (11) 5092-3426 e (11) 5092-3434
SBCM©2015 - Todos os direitos reservados | Direitos Autorais | Privacidade